5 dicas para um ótimo Novo Ano
29 29+00:00 dezembro 29+00:00 2016
Protegido: TESTE
1 01+00:00 maio 01+00:00 2017

Não tenha um Dia da Mulher, tenha um vida.

Ela é a força da vida-morte-vida; é a incubadora. É a intuição, a vidência, é a que escuta com atenção e tem o coração leal. Ela estimula os humanos a continuarem a ser multilíngües: fluentes no linguajar dos sonhos, da paixão, da poesia. Ela sussurra em sonhos noturnos; ela deixa em seu rastro no terreno da alma da mulher um pêlo grosseiro e pegadas lamacentas. Esses sinais enchem as mulheres de vontade de encontrá-la, libertá-la e amá-la.
Ela é idéias, sentimentos, impulsos e recordações. Ela ficou perdida e esquecida por muito, muito tempo. Ela é a fonte, a luz, a noite, a treva e o amanhecer. Ela é o cheiro da lama boa e a perna traseira da raposa. Os pássaros que nos contam segredos pertencem a ela. Ela é a voz que diz, “Por aqui, por aqui”.
Ela é quem se enfurece diante da injustiça. Ela é a que gira como uma roda enorme. É a criadora dos ciclos. É à procura dela que saímos de casa. É à procura dela que voltamos para casa. Ela é a raiz estrumada de todas as mulheres. Ela é tudo que nos mantém vivas quando achamos que chegamos ao fim. Ela é a geradora de acordos e idéias pequenas e incipientes. Ela é a mente que nos concebe; nós somos os seus Pensamentos.
Seja Oxum
Seja Obá
Seja Yemanjá
Seja Oyá
Sejá Onilé
Seja Iyewá
Seja Omolú (Nanã)
Seja Ajê
Seja fiel a você a sua essência.
Não tenha um Dia da Mulher, tenha um vida.
Texto de Clarissa Pinkola

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *